sexta-feira, março 28

Ferreira Leite. “Notícia sobre pensões parecia o dia das mentiras”


retirado do i

“Sobre a matéria das pensões ninguém se devia pronunciar sem ser com a maior seriedade, pois é um tema sensível. Coisas deste estilo, que não se sabe o que é, serve para juntar uma incerteza à outra”, disse Manuela Ferreira Leite no comentário semanal “Política mesmo” da TVI24.
A ex-ministra das Finanças comentava assim a notícia avançada hoje por vários meios de comunicação que revelavam que as reformas a partir de 2015 passariam a variar em função da demografia e do crescimento da economia. “Ainda não percebi. Devo confessar que quando li a notícia, parecia o dia das mentiras, parecia o 1 de Abril”, sublinhou.
No briefing do Conselho de Ministros, Marques Guedes, não desmentiu o teor das notícias avançadas, mas sublinhou que se tratariam de possibilidades e estudos que ainda não foram apresentadas como propostas. Marques Guedes considerou "abusivo e erróneo" confundir um ponto de situação dos trabalhos com a apresentação de cenários de decisão quando estes ainda não estão fechados. 
“Já foi alterada a idade da reforma, já mexeram nas pensões de sobrevivência e já se alterou a contribuição extraordinária. Depois de tudo isto ainda se está a pensar na reforma da Segurança Social”, disse, acrescentando que há “muitas incertezas à volta desta matéria.”
“E agora há um estudo no Ministério das Finanças, que nunca se ouviu falar… juntar incerteza às que já existem é não ter consideração”, frisou.

Marcadores: , ,

INSTAGRAMS by @rogerio_barroso