domingo, abril 26

Vieira da Silva: “Os custos de qualquer rutura com a UE são inaceitáveis”

Vieira da Silva foi ministro da Segurança Social, também da Economia. Está agora no grupo de economistas a quem António Costa entregou a missão de preparar um plano económico para a próxima legislatura. O documento foi entregue na terça-feira e logo gerou forte discussão política. A entrevista ao Observador começou por aí: Sentiu que o documento foi bem recebido?
“Tenho que confessar que me surpreendeu positivamente a reação pública, mesmo dentro do próprio PS. No PS foi sentido como um elemento mobilizador – das pessoas, do debate político interno, da capacidade de avançar para uma proposta política alternativa”. Dos comentadores também, acrescenta: “Do ponto de vista do debate político, há um período antes do programa eleitoral e um processo depois dele”.

Marcadores: , ,

INSTAGRAMS by @rogerio_barroso