sábado, junho 23

Centros de saúde deram menos 327 mil consultas em Abril



Em Abril houve menos 327 mil consultas presenciais nos cuidados primários, a maior quebra de sempre registada na monitorização mensal dos cuidados de saúde. O balanço é feito a partir dos dados da Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS), actualizados ontem até Abril. Nos três primeiros meses do ano registavam-se menos 14 649 consultas presenciais com o médico de família e em Abril o número disparou para menos 341 mil – a descida face ao período homólogo passou de -0,2% em Março para -4,4%. Mesmo nas urgências hospitalares, onde a ACSS destaca uma baixa desejável de 9,8%, a quebra é de 219 mil atendimentos desde o início do ano.

Marcadores: ,

INSTAGRAMS by @rogerio_barroso