segunda-feira, julho 8

Barómetro i/Pitagórica. Maioria quer regresso do Bloco Central


Se em dois anos não houve maneira de a realidade económica ir ao encontro das previsões do (agora ex) ministro Vítor Gaspar, se um governo de esquerda não traria melhores resultados ao país, para onde deve, então, Portugal virar-se? Para os livros de História política nacional. Os inquiridos alinham, ainda que numa frágil maioria (17%), pela repetição de um governo de Bloco Central (PS+PSD).
António José Seguro já disse (e repetiu, várias vezes, até) que o país só se endireita com novas eleições. Cansado da falta de respostas a que foi sendo deixado pela actual maioria, o secretário- -geral do PS também já deixou claro que não estabelece pontes com o PSD de Pedro Passos Coelho. Havendo eleições (em 2013? 2014? Ou será que só mesmo em 2015?), talvez Passos decida abandonar os holofotes e deixar o partido a outro protagonista que se siga.

Marcadores:

INSTAGRAMS by @rogerio_barroso